Pular para o conteúdo principal

Postagem em destaque

Da formação e desenvolvimento do Homem, a crise da virilidade de nossos tempos e outros assuntos

Da formação e desenvolvimento do Homem, a crise da virilidade de nossos tempos e outros assuntos. Por: Vinicius Martinez
Introdução.

Se podemos dizer que há um período na História Humana onde o Homem deixou de entender a si mesmo, esse período é o nosso. Vivemos num mundo desenvolvido tecnologicamente, mas precariamente os homens que participam desses tempos, não acompanharam o avanço das técnicas que por eles mesmos foram desenvolvidas.

É fato que vivemos numa sociedade apóstata que abandonou a Verdade e que se rendeu ao Liberalismo em todos os seus aspectos, o que por sua vez deu forças ao modernismo na religiosidade, assim como pavimentou a civilização ocidental para experimentar as tenebrosas revoluções sangrentas do século XX.

Por sua vez, nessa breve introdução, cito que o triunfo da tão má compreendida ideologia feminista, que embora muitos falem dela, não sabem que a mesma não é só uma simples demência do que chamamos de "Mundo Moderno".

Parafraseando a afirmação do Dou…

A santidade exige a Fé e a Moral unidas

A santidade exige a Fé e a Moral unidas. 

Por: Vinicius Martinez
Eu realmente fico triste e irritado em saber que a santidade se reduziu em viver seguindo os preceitos da Moral, esquecendo da exigência da Ortodoxia. Sempre nos foi ensinado pelos grandes santos que para sê-lo, uma pessoa deve viver com integridade de Fé na Ortodoxia Católica, seguindo os mandamentos e não obstante isso, tê-los feito de maneira heroica. 

No entanto, os modernistas deturparam o conceito de santidade, colocando nele elementos meramente naturais que qualquer pessoa sem Fé consegue realizar. Atualmente temos dois extremos que devem ser condenados, um que defende uma "religião" meramente dogmática, sem a exigência da moral – e outra meramente moral e sem a exigência dogmática. 

Ora, a santidade exige que a Fé e a Moral caminhem juntas, sendo que a Moral é subordinada da Fé e a fonte dessa vivência é Deus mesmo, uma vez que é a Graça que move nossa Vontade que nos faz aderir às verdades de Fé que por sua vez nos movimenta a agir retamente na Virtude, tornando possível a relação com Deus que passa a habitar mais perfeitamente em nós

Essa união cada vez mais intima com Cristo se torna tão forte que o “eu” – passa a ser totalmente movimentado para Deus, nas palavras do Apóstolo, a saber São Paulo, essa união significa que: "Já não sou eu quem vive, mas Cristo vive em mim. A vida que agora vivo no corpo, vivo-a pela fé no filho de Deus, que me amou e se entregou por mim". 

Com efeito, essa vida de Cristo possui um padrão em todos os santos, que é a conformidade entre Fé e Moral que por sua vez torna a pessoa de fato, um antro de Caridade, o que por sua vez a torna apta à Vida Eterna. É por isso que o Mestre Angélico, a saber, Santo Tomás de Aquino afirma: "Três coisas são necessárias para a salvação do homem: "Saber o que deve crer, o que deve querer, o que deve fazer! Crer em Deus Pai, querer a vida eterna e fazer o bem". 

Glória a Deus! Ave Maria Santíssima! Salve Roma Eterna!

Comentários

Postagens mais visitadas