Pular para o conteúdo principal

Postagem em destaque

Do mistério da vida: sofrer primeiro para ser feliz depois

Do mistério da vida: sofrer primeiro para ser feliz depois.
Por: Vinicius Martinez
“Devemos suportar tudo, porque o sofrimento é pequeno e a recompensa é grande.” Santa Catarina de Sena 
Um magnífico sinal da Graça de Deus em nossas vidas é quando uma pessoa que amamos ou que temos grande consideração por ela. 
Nos machuca em decorrência de uma atitude, seja uma escolha ou uma declaração que tenha ferido os nossos sentimentos, assim como também tenha contrariado a nossa vontade.
O ser humano naturalmente ao ser contrariado em sua vontade tende a se entristecer, pois, de fato dói ter a nossa vontade, os nossos desejos sido negados —, dói ser machucado por uma pessoa que tanto amamos. 
Geralmente a reação natural após sermos machucados por uma pessoa, é de tristeza, revolta e raiva. No entanto, por alguma operação de ordem sobrenatural. 
Ainda que entremos numa forte tristeza, ainda que choremos muito por causa da dor que sentimos, ainda assim em nosso coração persiste o Amor, o desejo do Sumo…

Papolatria e Papoclastia.

Papolatria e Papoclastia.

Por: Vinicius Martinez

A Barca de Pedro é feita com um material indestrutível, por mais que ela possa bater em um gigante Iceberg, sua estrutura não será danificada fazendo com que ela afunde, no entanto, não se pode dizer que o mesmo efeito ocorra com aqueles que estão dentro da barca que vão sofrer dos efeitos físicos da batida.

Com efeito, aqueles que ignoraram o aviso da aproximação do Iceberg e, portanto, da batida, hão de ser arremessados e talvez sejam jogados para fora da barca por efeito natural da tribulação, no entanto, aqueles que ouviram o aviso de que aconteceria a batida e seguraram: mantiveram-se firmes durante a batida e continuam dentro da barca.

A partir dessa realidade pode acontecer que aqueles que estavam confiantes de que bastava estar na Barca para serem salvos, agora estão arremessados no Oceano da Perdição, pois confiaram totalmente de forma cega no condutor geral da Barca que é o Papa.

Ora, nem todas as coisas que o Papa faz enquanto conduz a Barca são perfeitas e infalíveis, você não pode ignorar a tempestade ou o iceberg que pode lhe remover da barca apenas porque o Papa é quem conduz a Barca, temos que confiar no Papa, mas isso não significa que devamos ser cegos.

A questão é que aqueles que são cegos são como os malabaristas do concílio que acabam por fazer uma espécie de "Papolatria" e acabam por aderir erros e heresias pela obediência cega.

No entanto, temos outro extremo que são dos que cometem a "Papoclastia" cujos anseios os fazem se arremessar ao Oceano da Perdição para não estarem sob o mesmo teto de uma liderança indesejável.

O fato é que não há outra barca navegando pelo mundo senão a de Pedro, assim como a Barca de Noé era a única que navegava sobre as águas do dilúvio, com efeito, aqueles que estavam dentro se salvaram.

Glória a Deus! Ave Maria Santíssima! Salve Roma Eterna! Força e Honra! Sempre Fiel!

Comentários

Postagens mais visitadas