Pular para o conteúdo principal

Postagem em destaque

Da formação e desenvolvimento do Homem, a crise da virilidade de nossos tempos e outros assuntos

Da formação e desenvolvimento do Homem, a crise da virilidade de nossos tempos e outros assuntos. Por: Vinicius Martinez
Introdução.

Se podemos dizer que há um período na História Humana onde o Homem deixou de entender a si mesmo, esse período é o nosso. Vivemos num mundo desenvolvido tecnologicamente, mas precariamente os homens que participam desses tempos, não acompanharam o avanço das técnicas que por eles mesmos foram desenvolvidas.

É fato que vivemos numa sociedade apóstata que abandonou a Verdade e que se rendeu ao Liberalismo em todos os seus aspectos, o que por sua vez deu forças ao modernismo na religiosidade, assim como pavimentou a civilização ocidental para experimentar as tenebrosas revoluções sangrentas do século XX.

Por sua vez, nessa breve introdução, cito que o triunfo da tão má compreendida ideologia feminista, que embora muitos falem dela, não sabem que a mesma não é só uma simples demência do que chamamos de "Mundo Moderno".

Parafraseando a afirmação do Dou…

Todos os bebês nascem portando em si o Pecado Original.

Todos os bebês nascem portando em si o Pecado Original.

Por: Vinicius Martinez

Que todos os bebês possuem o Pecado Original é dogma, do contrário o Santo Sacramento do Batismo seria algo desnecessário.

É totalmente necessário que os bebês sejam batizados, não é porque o bebê é inofensivo que isso o faz digno dos Céus, há condições previstas para que uma alma ingresse no Reino de Deus.

O Batismo não é brincadeira, é algo realmente necessário para Salvação, por isso a Santa Igreja durante toda a sua existência tanto prezou para que os pais batizem seus filhos o mais rápido possível.


Nos ensina o Santo Catecismo Romano: "É preciso exortar seriamente os fiéis a levarem seus filhinhos à igreja, logo que possam fazê-lo sem perigo, para ali receberem o Batismo solene. Para as crianças, o único meio de salvação é a administração do Batismo. Compreende-se, pois, que grave é a culpa de quem as deixa sem a graça deste Sacramento, por mais tempo do que seja estritamente necessário. O motivo principal é quem nesse período precário, a vida da criança fica exposta a uma infinidade de perigos".

Ademais. Nos ensina o Mestre Angélico, a saber, Santo Tomás de Aquino: "As crianças, pelo pecado de Adão, contraem o pecado original, como o mostra o fato de es­tarem sujeitos à morte que, pelo pecado do pri­meiro homem passou para todos, na linguagem do Apóstolo (São Paulo). Logo, com muito maior razão, podem elas, mediante Cristo, receber a graça, para reinarem na vida eterna. Pois, o próprio Senhor diz: Quem não renascer da água e do Espírito Santo não pode entrar no reino de Deus. Por isso é necessário batizá-las, para que, assim como por Adão incorreram na condenação ao nascer, assim, renascendo, consigam a salva­ção por Cristo".

Os únicos bebês que nasceram sem Pecado Original, sem resquício algum de impureza pecaminosa, foi o Nosso Senhor por ser o Filho de Deus e a Santíssima por ser a Mãe de Deus, de resto todos nós fomos contaminados pelo Pecado.

Segundo a lógica de alguns tolos que dizem que as crianças não possuem pecado, elas ao morrerem vão direto para os Céus. Ora, se assim procede, todas as mulheres deveriam abortar suas crianças, tendo em vista que iriam todas aos Céus no lugar de terem que viver nesse vale de lágrimas.

Não vê o quão perigoso é essa mentalidade? Que por sinal seria uma heresia terrível, uma subespécie do Catarismo, assim como também a mistura de uma heresia antiga que dizia que o Pecado Original só se manifesta na idade da razão.

Os modernos esqueceram que Deus não pode contradizer a si mesmo, ele não pode dar os Céus a uma pessoa com Pecado Original, ainda que ela seja um ser indefeso sendo concebido no ventre de uma mulher.

Isso seria contrariar a si mesmo, tendo em vista que só aqueles que são batizados e livres de qualquer pecado podem entrar nos Céus, — nada de impuro entra lá. Com efeito, para resolver essa problemática, ele criou os Limbos que é a manifestação da perfeição da Justiça e Misericórdia Divina.

No entanto, por mais que o Limbo seja um lugar de felicidade natural, o que é a felicidade natural perto da felicidade sobrenatural que é nosso fim último que é Deus mesmo?

Além disso, se todo bebê tem exclusivo acesso aos Céus, a coisa mais fácil do mundo seria então abortar, já que todos ganham os Céus com isso.

Satanás e suas legiões são cientes que se trabalharem fortemente para que uma pessoa decida abortar, ele pode talvez ganhar a alma da mulher que cometeu o aborto caso ela não se arrependa até o fim da vida — conseguindo assim uma vitória.

Além de conseguir uma espécie de vitória ao afastar o bebê de Deus, fazendo com que ele seja encaminhado ao Limbo das crianças, que por mais que não seja o Inferno, por mais que não haja sofrimento para ele — aquilo não é a Pátria Celeste onde gozaria da felicidade eterna do Pai.

Não brinque, não negligencie! Se você teve um filho ou uma filha, batize-os na paróquia mais próxima. Lutemos contra o maligno aborto que ceifa tantas vidas, não há espaço para tolerância com aqueles que defendem o assassinato de crianças!

Glória a Deus! Ave Maria Santíssima! Salve Roma Eterna! Força e Honra! Sempre Fiel!

Comentários

Postagens mais visitadas