Pular para o conteúdo principal

Postagem em destaque

Do mistério da vida: sofrer primeiro para ser feliz depois

Do mistério da vida: sofrer primeiro para ser feliz depois.
Por: Vinicius Martinez
“Devemos suportar tudo, porque o sofrimento é pequeno e a recompensa é grande.” Santa Catarina de Sena 
Um magnífico sinal da Graça de Deus em nossas vidas é quando uma pessoa que amamos ou que temos grande consideração por ela. 
Nos machuca em decorrência de uma atitude, seja uma escolha ou uma declaração que tenha ferido os nossos sentimentos, assim como também tenha contrariado a nossa vontade.
O ser humano naturalmente ao ser contrariado em sua vontade tende a se entristecer, pois, de fato dói ter a nossa vontade, os nossos desejos sido negados —, dói ser machucado por uma pessoa que tanto amamos. 
Geralmente a reação natural após sermos machucados por uma pessoa, é de tristeza, revolta e raiva. No entanto, por alguma operação de ordem sobrenatural. 
Ainda que entremos numa forte tristeza, ainda que choremos muito por causa da dor que sentimos, ainda assim em nosso coração persiste o Amor, o desejo do Sumo…

A trágica situação dos homens modernos que são despreparados para uma crise

A trágica situação dos homens modernos que são despreparados para uma crise.

Por: Vinicius Martinez

É muito comum que em nossos tempos haja tantos homens despreparados para crises por estarem inseridos numa sociedade "automatizada". 

Pois, já não se exige um real trabalho de se conquistar as coisas, desvinculando-se do princípio que sempre esteve presente na vida dos homens que é o de plantar e colher — caçar para viver. 

Logo, as coisas em nossos tempos é sempre mais fácil de conseguir, estamos acostumados a receber as coisas de mão beijada, adquiridas sem grandes esforços. 

Claro, desde que o sujeito em questão tenha um emprego nos moldes modernos que não exige muito esforço, ademais, boa parte dos empregos modernos são verdadeiras fábricas de homens e mulheres problemáticos. 

Com efeito, o ser masculino que foi feito para ser ativo, é demasiado passivo em nossa sociedade. Logo sucede que se tenha tanta negligencia no instinto primal do Homem que é o de caçador — de protetor e construtor.

A vantagem da sociedade moderna é o conforto que ela nos proporciona, já que a mesma não exige um movimento robusto por conta de nosso ser para produzir algo. 

No entanto, ademais, o demasiado conforto moderno é repleto de desvantagens e uma delas é que quando algo quebra o conforto que está vigente na sociedade, as pessoas não estão preparadas para viverem nessas situações desconfortáveis.

É o que sucede tragicamente com boa parte dos homens modernos que diante de uma crise seriam esmagados desgraçadamente, por terem apenas conhecimentos "culturais", a saber, literatura, filosofia, linguagens, nerdices, cultura pop e humanidades em geral. 

Até mesmo os conhecimentos específicos que os homens modernos possuem em algumas áreas de tecnologia, não resolvem o problema. 

Pois eles estão acostumados a trabalharem sempre naquela linha de funcionamento, tendo uma mente programada apenas para aquilo. Com efeito, limitando-se ao conhecimento privado e profissional de suas áreas em específico e nada mais que isso.

Tragicamente, são homens que não possuem um pingo de capacidade técnica e científica efetiva, criatividade efetiva, não possuem capacidade física e mental e tampouco treinamento marcial e tático para enfrentarem algo violento e que exija muito para que a vida local seja conservada — por aquele que possuí o dever de proteger e prover.

Coitada das mulheres, crianças e velhos que estiverem à mercê dos cuidados desses caras.

Pense, se acaso o sistema falhar, a saber, o fato de que governo, hospitais, forças armadas auxiliares, instituições financeiras, redes alimentícias e coisas do gênero, você estaria pronto para encarar este caos? Você está treinado para agir e reagir diante disso? 

De fato, é muito bom ter erudição e conhecimentos em humanidades em geral, ademais, eu mesmo amo esse campo de estudo, mas é um erro terrível negligenciar a formação masculina em todos os seus aspectos: mentais, físicas e técnicas que nos é obrigatória — para que sejamos verdadeiramente homens. 

Ademais, é verdade que nem todos nós possuímos capacidade para termos tantas habilidades, mas esse problema pode ser resolvido se você tiver amizade com pessoas e uma rede de contatos. Numa crise, é essencial que cada um possua um grupo organizado onde todos compartilham os seus conhecimentos e habilidades em vista do bem do grupo. 

Este grupo deve ser liderado por aquele que tiver a melhor capacidade de guiamento, onde sabe gerenciar as habilidades de cada um e fazer com que eles as aplique bem, que consiga ver as coisas para preservar o seu patrimônio. 

Porém, como é visto em muitas crises, há uma desgraça muito comum que ocorre quando se junta muitas pessoas — ainda que numa crise: o homem sempre está sujeito às suas misérias. 

Acontece que um membro inferior pode querer tomar a liderança do mais forte e preparado por inveja e vaidade, gerando uma anomalia por conta do ego dele, com efeito, da vaidade e arrogância de um, a tendência é que todos tombem e a queda será feia, pois, se houver outro grupo que estiver solidamente firmado numa liderança firme —, eles vão se aproveitar.

Além do mais, há também sempre os casos de traição, onde um membro do grupo vendo mais vantagem no grupo rival acaba por traindo a todos para o bem próprio. 

Com efeito, é sábio também que o número do grupo não seja tão grande a ponto de que pessoas inconstantes façam parte. A amizade é fundamental nestes casos, para aplacar desavenças.

Em nossos tempos, as pessoas sempre estão inseridas em extremos, mas o sábio é aquele que encontra a harmonia, com efeito, já dizia o Filósofo, a saber, Aristóteles que a virtude está no meio: por vezes é necessário estar num lado "menos pior" seguindo o principio do mal menor. 

Ademais, é necessário lembrar que até mesmo o principio do mal menor é deturpado atualmente, pois o mesmo também está sujeito à outras condições, a saber, a moral que é necessária, pois de nada adianta você ir para um lado que é vencedor, mas que esteja moralmente errado. 

Com efeito, tua vida pode ser poupada por estar com os vencedores, mas não te esqueças de que essa vida é passageira e há um tribunal que nos aguarda na outra vida, quando partirmos desse mundo —, onde há um Juiz que não erra jamais uma sentença. 

Além disso, ainda que a ordem humana esteja quebrada e as leis não estejam vigorando por conta de uma grande crise. A Lei Divina jamais deixa de funcionar, portanto, nem mesmo numa crise, a Moral que nos é ensinada deve ser quebrada sob o pretexto de "sobrevivência".

Os crimes e pecados continuarão sendo errados, a única diferença é que não será um juiz humano que vai lhe julgar, mas um Juiz ainda mais severo que é a própria Justiça.

Em decorrência dessa demasiada individualidade ou demasiada coletividade de nossos tempos: os homens — e principalmente os brasileiros, perderam a noção de organização e preparação de vizinhanças para crises em geral.

Seja como os grandes homens Católicos Apostólicos Romanos do passado que tinham Fé, Mente e Corpo preparados — e não um sujeitinho moderno.

Se você é Homem, não deixe de treinar o seu lado de caçador, do contrário, você será a presa de amanhã e te garanto que aquele que vem lhe caçar — não terá piedade alguma de você, de sua Mulher e filhos.

Glória a Deus! Ave Maria Santíssima! Salve Roma Eterna! Força e Honra! Sempre Fiel!

Comentários

Postagens mais visitadas