Pular para o conteúdo principal

Postagem em destaque

Do mistério da vida: sofrer primeiro para ser feliz depois

Do mistério da vida: sofrer primeiro para ser feliz depois.
Por: Vinicius Martinez
“Devemos suportar tudo, porque o sofrimento é pequeno e a recompensa é grande.” Santa Catarina de Sena 
Um magnífico sinal da Graça de Deus em nossas vidas é quando uma pessoa que amamos ou que temos grande consideração por ela. 
Nos machuca em decorrência de uma atitude, seja uma escolha ou uma declaração que tenha ferido os nossos sentimentos, assim como também tenha contrariado a nossa vontade.
O ser humano naturalmente ao ser contrariado em sua vontade tende a se entristecer, pois, de fato dói ter a nossa vontade, os nossos desejos sido negados —, dói ser machucado por uma pessoa que tanto amamos. 
Geralmente a reação natural após sermos machucados por uma pessoa, é de tristeza, revolta e raiva. No entanto, por alguma operação de ordem sobrenatural. 
Ainda que entremos numa forte tristeza, ainda que choremos muito por causa da dor que sentimos, ainda assim em nosso coração persiste o Amor, o desejo do Sumo…

A Obediência é sempre uma Virtude?

A Obediência é sempre uma Virtude?

Por: Vinicius Martinez

Para alguns tolos, ser obediente é uma virtude sempre. Ora, é em nome da obediência que as coisas mais abomináveis durante a História, foram feitas, quantos homens mataram pessoas inocentes só por estarem cumprindo ordens?

A verdadeira obediência deve ser orientada visando um objeto bom e não para um mal, se assim procede, torna-se um erro grave. Com efeito, não se deve obedecer alguém que queira que você faça um mal. 

Ademais. — Quando se visa a alcançar um fim bom, esse fim deve ser alcançado de forma sempre boa: do início ao fim. Pois, uma ação concreta realizada que tenha um fim embora bom, mas que para ter sido efetivada, teve meios ruins, já não é uma ação boa, mas uma ação má. 

Ademais. — Com efeito, os fins não justificam os meios. Já dizia o Mestre Angélico, a saber, Santo Tomás de Aquino: "Não se pode justificar uma ação má, com boas intenções".

Em nossos tempos, muitos proclamam uma obediência cega, quando isso na verdade é péssimo e leva ao mal. Tudo que fazemos tem consequências, sejam elas, boas ou ruins. 

Ainda que um filho deva obedecer ao seu pai por ordem das coisas, só há um caso em que um filho não deva obedecer a seu pai, é quando seu pai o está ordenando que ele faça algum mal. Pois, o Homem deve obedecer ao Sumo Bem que é Deus — primeiramente que os Homens.

Inclusive essa situação ocorre nos tempos trágicos em que vivemos, onde em nome da obediência, Satanás e suas legiões cada vez mais alastram suas malignas intenções; um verdadeiro "golpe de mestre de satanás", como já dizia o Doutor da Caridade, a saber, Dom Marcel Lefebvre.

Obedecer cegamente não é uma virtude, em verdade, é uma atitude típica de covardes e, portanto, errada. A obediência se deve ter mediante ao objeto que ela se orienta, se for bom ela é virtude, se é ruim, ela é errada.

Não se deve jamais obedecer a um superior que nos manda fazer algo mal. Pois, sua pena diante de Deus por ter feito algo mal mesmo que sendo "obrigado", não será anulada, ela até pode ser reduzida mediante ao contexto, mas jamais anulada. 

Ademais. — Sempre há como escolher, a questão é que a maioria das pessoas são covardes suficientes para não enfrentarem as consequências de terem desobedecido a uma pessoa má. 

Finalizo — Existe uma hierarquia, ela existe para que a ordem seja estabelecida, há os superiores e os inferiores, cabe aos inferiores se submeterem aos superiores, para que a ordem seja efetivada e haja harmonia. 

No entanto, muitos que recebem do alto o poder de estar acima dos demais, acabam que pervertendo as coisas e também desrespeitam uma ordem que está acima deles, que é a Ordem Divina. Toda operação humana deve ser orientada para a Suma Ordem que é Deus. 

Todas as coisas devem se orientar para Deus, e é ofício daquele que está acima, ajudar o que está abaixo a agir de maneira a atingir um bem. Com efeito, ao falhar nesse quesito, o superior gera anomalias. 

Assim procede se o mesmo exige de um inferior, algo que vai contra a Ordem Divina, este embora tenha uma ordem acima, não deve ser seguido, e quem o segue, prestará contas diante de Deus, por ter escolhido obedecer alguém que infringiu a Lei Divina. 

O mesmo ocorre se os inferiores não seguem os superiores que estiverem seguindo a Ordem Divina, ocorrem anomalias. As coisas devem sempre estar em conformidade; os superiores aplicam o que é da Lei Divina, e os inferiores seguem.

Ademais. — Todos os santos de todos os tempos, preferiam a prisão, a tortura e a morte a terem que fazer algo que um superior humano deles os mandasse fazer, mas que fosse contra o que Cristo os mandou fazer.

Ainda que um Papa, um Rei, um General, um Presidente, te mandasse fazer algo contrário ao que Deus quer — você estaria errado. 

Sua obediência em respeito à hierarquia humana visível, seria apenas uma fachada para esconder sua covardia de não ter tido força e honra para combater os erros, os pecados, as heresias, os vícios e todos os males que nos assolam.

Além do mais, alguns podem até citar frases de santos, como São Pio de Pietrelcina que afirmava: "Onde não há obediência, não há virtude". 

Ora, obviamente que a obediência é uma virtude, concordo plenamente com o que os santos dizem, no entanto, quando os santos dizem da obediência, estão se referindo justamente da obediência que tem por objeto o Sumo Bem, a qual chamamos, Deus.

Glória a Deus! Ave Maria Santíssima! Salve Roma Eterna! Força e Honra! Sempre Fiel!

Comentários

Postagens mais visitadas