Pular para o conteúdo principal

Postagem em destaque

Do mistério da vida: sofrer primeiro para ser feliz depois

Do mistério da vida: sofrer primeiro para ser feliz depois.
Por: Vinicius Martinez
“Devemos suportar tudo, porque o sofrimento é pequeno e a recompensa é grande.” Santa Catarina de Sena 
Um magnífico sinal da Graça de Deus em nossas vidas é quando uma pessoa que amamos ou que temos grande consideração por ela. 
Nos machuca em decorrência de uma atitude, seja uma escolha ou uma declaração que tenha ferido os nossos sentimentos, assim como também tenha contrariado a nossa vontade.
O ser humano naturalmente ao ser contrariado em sua vontade tende a se entristecer, pois, de fato dói ter a nossa vontade, os nossos desejos sido negados —, dói ser machucado por uma pessoa que tanto amamos. 
Geralmente a reação natural após sermos machucados por uma pessoa, é de tristeza, revolta e raiva. No entanto, por alguma operação de ordem sobrenatural. 
Ainda que entremos numa forte tristeza, ainda que choremos muito por causa da dor que sentimos, ainda assim em nosso coração persiste o Amor, o desejo do Sumo…

A vigilância e a amizade com Deus

A vigilância e a amizade com Deus

Por: Vinicius Martinez

"Minha vida é um brevíssimo segundo, Minha vida é um só dia que escapa e que me foge. Tu bem sabes, ó meu Deus! Para amar-te neste mundo, não tenho nada mais que hoje." Santa Teresinha do Menino Jesus.

Em um piscar de olhos, podemos estar diante do tribunal de Cristo, em um simples segundo, mais rápido que a velocidade da luz, levados pela morte terrena deste mundo. Será que estaremos preparados para o julgamento que tem por finalidade decidir se iremos para o reino dos céus ou para o reino das trevas, onde a dor e o sofrimento são eternos? Será que estamos em amizade e graça com Deus, ou estamos com amizade com o diabo?

Nós temos que ser vigilantes, atentos, pois em um piscar de olhos, num momento mais rápido que qualquer velocidade física que se pode medir, podemos estar diante de Deus e lá não poderá haver segundas ou terceiras ou quintas ou mil chances, simplesmente há de se ter o juízo, eis da importância de estarmos todos os dias rezando, sempre procurando fazer o bem, sempre em amizade com Deus, buscando os sacramentos, se confessando para que diante de uma fulminante situação de morte, não sermos pegos de surpresa por ela que pode ser motivo de alegria -- pois se estarmos em amizade com Deus, poderemos ir para a beatitude eterna, ou motivo de choro e ranger de dentes -- caso estejamos em inimizade com Deus, fazendo com que desgraçadamente sejamos condenados ao fogo eterno e quão triste é essa realidade que nós mesmos escolhemos caso rejeitemos a lei de Deus, a graça e a bondade.

Devemos viver todos os dias como se fosse o último, sempre amando, sempre confiando em Deus, rezando, estando vigilantes, pois não sabemos o que pode acontecer daqui dez segundos, um minuto, uma hora ou um dia ou quer for. Que todos nós tenhamos em nossos corações o verdadeiro desejo de amar a Deus sobre todas as coisas, e, com efeito, tenhamos a capacidade de amar o próximo e praticar o bem, para que sejamos dignos das promessas de Cristo.

Que sejamos protegidos por Deus, cobertos pelo manto da Virgem Santíssima, que sejamos protegidos também por nossos santos anjos da guarda, dos perigos físicos e espirituais. Que cada segundo de nossas vidas, que cada segundo de nossos dias, sejam vividos para a glória eterna de Deus, que sempre tenhamos a santíssima amizade de vosso pai que nos ama tanto, que recorremos a ele sempre, que sejamos santos e, com efeito, na eternidade, sejamos verdadeiramente felizes com o Senhor, com a Virgem Santíssima e a comunhão dos santos, para todo o sempre, amém!

Comentários

Postagens mais visitadas