Pular para o conteúdo principal

Postagem em destaque

Da formação e desenvolvimento do Homem, a crise da virilidade de nossos tempos e outros assuntos

Da formação e desenvolvimento do Homem, a crise da virilidade de nossos tempos e outros assuntos. Por: Vinicius Martinez
Introdução.

Se podemos dizer que há um período na História Humana onde o Homem deixou de entender a si mesmo, esse período é o nosso. Vivemos num mundo desenvolvido tecnologicamente, mas precariamente os homens que participam desses tempos, não acompanharam o avanço das técnicas que por eles mesmos foram desenvolvidas.

É fato que vivemos numa sociedade apóstata que abandonou a Verdade e que se rendeu ao Liberalismo em todos os seus aspectos, o que por sua vez deu forças ao modernismo na religiosidade, assim como pavimentou a civilização ocidental para experimentar as tenebrosas revoluções sangrentas do século XX.

Por sua vez, nessa breve introdução, cito que o triunfo da tão má compreendida ideologia feminista, que embora muitos falem dela, não sabem que a mesma não é só uma simples demência do que chamamos de "Mundo Moderno".

Parafraseando a afirmação do Dou…

A dor do amor não correspondido é terrível

A dor do amor não correspondido é terrível

Por: Vinicius Martinez

Eu já senti tudo que é tipo de dor: Já fui arremessado da bicicleta a 2 metros de distância, onde me espatifei todo no chão -- fiquei todo ferrado e dolorido. Já fui atingido por um jato de fogo que me causou várias queimaduras de 2°Grau em meus braços e corpo, onde senti de fato o que é ardência. Já bati a o meu estômago num pedaço de aço rígido com grande força -- onde não senti forças nem para me levantar por muito tempo. Já tomei um tombo no concreto atingindo diretamente meu crânio -- não sei como não quebrou, assim como também já bati minha canela num concreto puro com grande força num acidente -- também não quebrou. 

Já fui envenenado e intoxicado por via de remédio ou alimentos -- o que me causou dores terríveis. Já sofri da dor de uma queda brusca de 2 metros de altura batendo meu pescoço e costas no chão -- o que me lesionou por mais de um ano -- causando-me grandes dores. 

Já tive um ataque gástrico terrível que me causou uma dor tão forte e potente que me deixou dias na cama -- foi terrível, pensei que fosse morrer. Já fui vítima de um erro no procedimento médico -- onde o gás da máquina do exame ficou internamente dentro de mim, com efeito, estufou meus órgãos, principalmente meu intestino -- que veio parar atrás de meus pulmões, imagine a dor que foi isso, eu senti a dor física mais forte de todas em relação a todas as dores que eu citei acima -- e esse acidente junto ao ataque gástrico que me atingiu, quase me levaram a morte.

Mas nenhuma dessas dores e sofrimentos, chega perto da dor que é de Amar verdadeiramente uma mulher -- de fato aderir a essa pessoa, é como se ela fosse um pedaço faltando em mim -- algo necessário para a minha vida, e se é necessário, é óbvio que causará grande dor em mim, a dor de não ter um amor correspondido é uma dor terrível, intensa, angustiante, que causa grande aflição e desespero, nunca senti algo tão terrível e doloroso, é muito mais branda a soma de todas as dores que eu senti em minha vida, comparada a essa dor que sinto atualmente por amar alguém jamais me amará. 

Somente Deus poderá remover de mim essa terrível dor, ocupando este vazio que há em meu coração, pois literalmente sinto o meu coração despedaçado, incompleto, pedindo pelo amor de Deus que se juntasse ao outro coração: Dela. 

Sei que essa dor me servirá para eu me dobrar diante de Deus, fazendo com que eu me aproxime ainda mais dele, servirá de santificação minha, mas embora eu tenha dito das frases, sempre gosto de repetir o que o Professor Orlando Fedeli dizia: "A grandeza do Homem está naquilo que ele é capaz de sofrer".

Não é romantismo, odeio romantismo por sinal, é apenas a minha miserável tentativa de expressar o quanto essa pessoa me faz falta, ela de fato é necessária para mim, assim como Deus é necessário para a minha vida, a questão é que devo superar -- pois sei que jamais a terei, mas superar tal coisa -- admito que é demasiadamente difícil, pois de fato dói.

Existem dores muito piores eu sei disso, mas no momento nada é mais doloroso que saber que jamais terei o amor de uma pessoa que verdadeiramente amo do fundo de meu coração e alma.

Comentários

Postagens mais visitadas